BRAIP ads_banner

Riqueza não justifica tentativa de criar relação desrespeitosa conosco, diz Pimenta à CNN sobre Musk

CasaNotícias

Riqueza não justifica tentativa de criar relação desrespeitosa conosco, diz Pimenta à CNN sobre Musk

Índice CNN: Prefeitos têm mais posts e engajamento que opositores nas eleições
Ataque foi “limitado“ e para “mostrar direito de autodefesa“, diz embaixador do Brasil no Irã à CNN
Pedido de desculpas do Estado é pouco para os povos indígenas, diz Ailton Krenak à CNN

Diante da série de críticas de Elon Musk ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, o ministro da Secretaria de Comunicação Social, Paulo Pimenta, disse à CNN que a riqueza do dono do X (antigo Twitter) não pode justificar tais ações.

“Não é possível que um país assista a uma tentativa de ingerência externa. Não é porque alguém é uma das pessoas mais ricas do mundo que pode olhar para o Brasil e tentar estabelecer conosco uma relação desrespeitosa”, afirmou.

Pimenta, no entanto, reiterou sua avaliação de que, do ponto de vista político, esse deve ser um “assunto encerrado”.

“Não é caso de política, isso é um caso de polícia, e deve ser tratado com quem está investigando, com quem está cuidando desse assunto.”

No último final de semana, o ministro do STF determinou a abertura de um inquérito contra o bilionário, depois de um conjunto de publicações de Musk no X que, além de criticarem Moraes, sugeriam o descumprimento de medidas judiciais.

Ao longo da semana, o dono da rede social voltou a compartilhar críticas ao ministro brasileiro.

Musk compartilhou um vídeo com discurso do deputado da oposição Gustavo Gayer (PL-GO) no Parlamento Europeu e chamou novamente Moraes de “ditador”, em publicação feita na madrugada desta quinta-feira (11). Ele chegou a mencionar o perfil oficial do ministro do Supremo na postagem.

Fonte: Externa

BRAIP ads_banner