BRAIP ads_banner

Lázaro Ramos e Wagner Moura relembram início da amizade de quase 30 anos

CasaNotícias

Lázaro Ramos e Wagner Moura relembram início da amizade de quase 30 anos

Milei anuncia fim do namoro com atriz Fátima Florez: “Decidimos manter amizade“
“Temos uma amizade muito legal“, diz Isabelle sobre Matteus após BBB24
“É o pai dos meus filhos“, brinca Fernanda sobre amizade com Pitel após BBB 24

Lázaro Ramos se divertiu ao compartilhar nesta quarta-feira (17) um vídeo que reúne a sua versão e a de Wagner Moura, sobre como a amizade dos dois começou.

Nascidos em Salvador, o primeiro encontro dos artistas foi quando Lázaro tinha apenas 16 anos de idade. Os dois faziam parte da mesma companhia de teatro, quando Wagner se impressionou com o talento do seu, hoje, amigo.

Nesta última terça-feira (16), durante o podcast “Podpah”, Wagner Moura contou sua versão. “Até hoje eu não entendo como aconteceu isso. É uma coisa meio espiritual”, começou o ator.

 

 

“Eu fui ver uma peça do bando [de teatro que faziam parte], eu tinha 17, 18 anos, ele [Lázaro] tinha 16. [Na peça], ele não falava, ele era tipo um figurante. Eu lembro que ele dançava e eu não conseguia para de olhar pra ele“, contou Wagner.

“Não tem explicação. Eu só olhava ele, tinha alguma coisa diferente nele. Quando acabou a peça, eu sai andando pelo teatro — não me pergunte como, eu não pensei —, alguma coisa me fez sair caminhando até o camarim, para procurar esse cara”, continuou.

Sem nunca ter visto Lázaro Ramos antes em sua vida, Wagner Moura decidiu que gostaria de criar uma nova amizade. “Olhei para ele e disse: ‘Eu quero ser seu amigo’ e ele me disse ‘então vamos ser amigos”.

Por sua vez, em uma entrevista antiga para o mesmo podcast, Lázaro Ramos também relatou a sua versão do ocorrido.

Ele era um cara esquisitíssimo. O apelido dele era ovni, ele andava com um cabelão na frente da cabeça, cobrindo o rosto, roupa preta. Ele andava no teatro todo esquisito”, relembrou Lázaro, que ainda admitiu: “Eu tinha um pouco de medo dele”.

“Até que eu estreei o espetáculo e ele foi assistir. Ele foi no camarim e falou ‘você é muito bom ator, quero ser seu amigo””, contou o ator, brincando ter ficado amigo de Wagner por medo. “Falei, vamos, claro!”.

 

 

 



Fonte: Externa

BRAIP ads_banner